Perceber: raiz do conhecimento

Código: 9788594591166x
12x de R$ 3,33
R$ 40,00
ou R$ 38,00 via Depósito
Comprar Estoque: Disponível
    • 1x de R$ 40,00 sem juros
    • 2x de R$ 20,00 sem juros
    • 3x de R$ 13,33 sem juros
    • 4x de R$ 10,00 sem juros
    • 5x de R$ 8,00 sem juros
    • 6x de R$ 6,66 sem juros
    • 7x de R$ 5,71 sem juros
    • 8x de R$ 5,00 sem juros
    • 9x de R$ 4,44 sem juros
    • 10x de R$ 4,00 sem juros
    • 11x de R$ 3,63 sem juros
    • 12x de R$ 3,33 sem juros
    • 1x de R$ 40,00 sem juros
    • 2x de R$ 20,00 sem juros
    • 3x de R$ 13,33 sem juros
    • 4x de R$ 10,00 sem juros
    • 5x de R$ 8,00 sem juros
    • 6x de R$ 6,66 sem juros
    • 7x de R$ 5,71 sem juros
    • 8x de R$ 5,00 sem juros
    • 9x de R$ 4,44 sem juros
    • 10x de R$ 4,00 sem juros
    • 11x de R$ 3,63 sem juros
    • 12x de R$ 3,33 sem juros
  • R$ 38,00 Deposito
  • R$ 40,00 Boleto Bancário
  • R$ 40,00 American Express, Visa, Diners, Mastercard, Hipercard, Elo
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Elcie F. Salzano Masini (org.)

114 páginas
ISBN 978-85-9459-116-6

 

Esta obra é continuidade da primeira de mesmo título - publicada em São Paulo pela Editora Vetor em 2012 e em Talant - Dijon, França, pela Editora Les Doigts Qui Rêvent em 2016 – cuja origem foi a pesquisa “O perceber e o relacionar-se do deficiente visual". 
Despontou da análise e crítica à bibliografia e às pesquisas que desconsideravam as diferenças de percepção dos que dispõem e dos que não dispõem da visão, pondo a descoberto que as pessoas com deficiência visual permaneciam ocultas, ao serem apresentadas pelo referencial dos videntes. Merleau-Ponty (1971) emergiu como um caminho para esclarecer isso ao enfatizar o sujeito no mundo como corpo no mundo, que sente, que sabe, que compreende - ao propor que a ciência retornasse ao solo do mundo sensível como é na própria vida para o próprio corpo - sentinela silenciosa dos atos e das palavras; que se voltasse para o sujeito no mundo como corpo no mundo - visto como fonte de sentidos do sujeito, na totalidade da sua estrutura de relações com os outros e com as coisas ao seu redor. 
O corpo próprio de cada um está no mundo - os que dispõem de todos os sentidos em suas manifestações corporais mostram as características de seu tocar, olhar, ouvir, cheirar, degustar, movimentar-se e os que não dispõem de um dos sentidos, faz uso dos sentidos de que dispõem  - o surdo olha todas as coisas e também pode olhar a si mesmo, toca as coisas e toca-se tateante; da mesma forma, o cego ouve o que o cerca e se ouve também, é sensível à temperatura, à textura e vibrações do que o cerca e de si mesmo - em suas experiências. 
Sintetizando, o que ficou dito pode­se afirmar que o Perceber a si, o outro, o entorno enraíza o Conhecimento.

12x de R$ 3,33
R$ 40,00
ou R$ 38,00 via Depósito
Comprar Estoque: Disponível
Pague com
  • PayPal
  • Depósito Bancário
  • PagSeguro
Selos
  • Site Seguro

Editora Liber Ars Ltda. - CNPJ: 13.794.606/0001-98 © Todos os direitos reservados. 2018